21º Festival do Japão em São Paulo

Vai rolar neste fim de semana o 21º Festival do Japão de São Paulo, um programa obrigatório para quem curte cultura japonesa e quer conhecer um pouco mais do Japão. Vai acontecer nos dias 20, 21 e 22 de julho de 2018, no São Paulo Expo Exhibition & Convention Center, que fica na Rodovia dos Imigrantes, próximo da estação Jabaquara do metrô (Linha Azul).

Oficial-festival_Festival-do-japão_Cultura-Japonesa_Vida-de-Tsuge_VDT

O Festival do Japão já acontece desde 1998 e esta edição é especial por ser o evento oficial do Estado de São Paulo, para comemorar os 110 Anos da Imigração Japonesa no Brasil. O objetivo do festival é preservar e divulgar a cultura japonesa, transmitindo as tradições para as novas gerações.

Para quem não sabe, a neta do Imperador Akihito, Sua Alteza Imperial Princesa Mako , está em visita ao Brasil até o dia 30 de Julho e sua agenda não foi completamente divulgada. A boa notícia é que ela participará da Solenidade Oficial da comemoração aos 110 anos da Imigração Japonesa no Brasil, no festival, que acontecerá no dia 21, sábado. Se você nunca viu de perto um membro da Família Imperial Japonesa, essa é uma chance imperdível!

Princesa-mako_Festival-do-japão_Cultura-Japonesa_Vida-de-Tsuge_VDT

Para esses três dias, serão preparados shows musicais, atrações culturais, danças típicas, exposições culturais, workshops, cerimônia do chá, origami, ikebana, área para amantes da cultura otaku – mangá, games, anime, cosplay, desfile e eleição da Miss Nikkei do Brasil e dezenas de estandes de comida japonesa, com sabores das 47 províncias do país.

Chun-li_Festival-do-japão_Cultura-Japonesa_Vida-de-Tsuge_VDT
Odori_Festival-do-japão_Cultura-Japonesa_Vida-de-Tsuge_VDTFestival-1_Festival-do-japão_Cultura-Japonesa_Vida-de-Tsuge_VDT

O evento tem sido um grande sucesso desde a sua primeira edição, em 1998, organizado pelo KENREN – Federação das Associações de Províncias Japonesas no Brasil. Pela importância e repercussão alcançados, o "Festival do Japão de São Paulo" foi incluído no Calendário Turístico do Estado de São Paulo (Lei Estadual 11.139, de 24/04/2002) e no Calendário Oficial de Eventos da cidade de São Paulo (Lei 13.835 de 03/07/2004).

Festival do Japão - site Nippo Brasilia

O que eu não posso deixar de ver no Festival?

A primeira coisa a fazer é ver o que mais te interessa: cultura tradicional, cultura moderna, shows, gastronomia, participar de workshops... enfim, dependendo do que você mais gosta, algumas atrações são dispensáveis. Por exemplo, a minha mãe não curte mangá e nem anime, mas gosta de ver desfile de cosplay. Uma lista das atrações:

  • Exposições e workshops de ikebana, origami, cerimônia do chá, shodō;
  • Shows de música, taikō, teatro, bon odori, dança Yosakoi, danças folclóricas;
  • Demonstrações e workshops de artes marciais das principais escolas;
  • Desfile do Miss Nikkei Brasil e desfile do Akiba Cosplay Summit;
  • Atividades culturais, oficinas, recreação e áreas destinadas às crianças e ao público da Terceira Idade;
  • E, é claro, a Praça da Gastronomia onde você vai se deliciar e repor as energias, pois o pavilhão é enorme!

Como o evento vai ter de tudo e vai estar LO-TA-DO, escolha o que fazer e localize em que palco vai rolar o que você quer ver. No próximo tópico, você vai ter a programação dos 3 dias do festival para definir o que você vai fazer. Uma das áreas mais concorridas é a Praça de Gastronomia que vai ter estandes com a culinária típica das 47 províncias japonesas. Mas cuidado para não perder muito tempo nas filas e correr o risco de perder muitas atrações.

Talvez valha mais a pena, ir na Liberdade um dia de metrô, antes de ir pro Festival e comer um bom teishoku japonês, com um valor mais camarada. Aproveite que na sexta-feira, dia 20, o festival começa às 14h, ok? Você também pode ir para a Liberdade depois do evento de metrô, que é bem rapidinho.

miss-nikkei-rj_Festival-do-japão_Cultura-Japonesa_Vida-de-Tsuge_VDTCarê_Festival-do-japão_Cultura-Japonesa_Vida-de-Tsuge_VDT
Lámen_Festival-do-japão_Cultura-Japonesa_Vida-de-Tsuge_VDT

Programação oficial do Festival do Japão

Para você entender melhor a geografia do local, as apresentações ocorrem em 2 palcos: o Palco Arena 110 Anos, onde acontecem os eventos com interação do público, como o Bon Odori, Concurso de Miss Nikkei e o desfile do Akiba Cosplay. O palco Arena 110 anos, fica ao lado do mega estande da Ikesaki. Já o Palco Verde e Amarelo, fica do outro lado do pavilhão e é onde ocorrem os shows, apresentações, danças folclóricas, taiko, etc.

A Área da Criança, fica ao lado do Palco Verde e Amarelo. Mas se você estiver procurando o Espaço para Idosos e o Akiba Space, para a galera otaku, eles ficam no meio do pavilhão, entre os 2 palcos.

A abertura do festival é no dia 20/07, às 12h e termina às 21h. No sábado, dia 21/07, das 9h às 21h e neste dia teremos a presença ilustre da Princesa Mako. Domingo, último dia do evento, começa às 10h e vai até 18h.

Os ingressos custam R$22,00 (antecipado e online), R$28,00 (bilheteria no dia) e R$14,00 (meia-entrada, venda apenas na bilheteria). Para quem vai de carro, há estacionamento no local (terceirizado), ao custo de R$45,00/dia. Transporte gratuito do metrô Jabaquara para o evento, das 8 às 22 horas. Não tem desculpa para não ir!

Segue a programação completa do Festival do Japão 2018, lembrando que ela está sujeita a alterações:

Sexta-feira, 20-jul no Festival do Japão 2018

Palco VERDE E AMARELO

  • 14h00 – Federação Brasileira de Radio Taisso – Ginástica
  • 14h20 – Associação Shimane Kenjin do Brasil – Rizumu Taisso
  • 14h40 – Mariko Nakahira – Atração internacional
  • 15h05 – Centro Cultural Hiroshima do Brasil – Kendama – Atividade lúdica
  • 15h30 – Keiko Yoshimura e Takaaki Ohnishi – Atração internacional
  • 16h00 – Pop Mania Nipo de Campinas – Dança infantil
  • 16h35 – Arudo – Uruguai Atração internacional
  • 17h05 – Parada Taiko
  • 17h35 - Gus Hokama – Argentina – Atração internacional
  • 18h00 – Associação Guifu Kenjinkai do Brasil – Vanessa Oshiro – Atração internacional
  • 18h25 – Shizuoka Kenjinkai do Brasil – Rizumu Taisso
  • 18h40 – Zespot Piesni i Tanca Politechniki Warszawskiej – Polônia – Dança Regional
  • 19h00 – Encerramento

ARENA 110 ANOS

  • 14h00 – Parada Taikô (ensaio) – Taikô
  • 15h00 – Vanessa Oshiro – cantora – Argentina
  • 15h20 – Treasure Garden – cantores – Japão
  • 15h45 – Gus Hokama – cantor – Argentina
  • 16h10 – Mariko Nakahira – cantora – Japão
  • 16h30 – Ossamá Sato – ilusionista – Brasil
  • 17h00 – Keiko Yoshimura e Takaaki Ohnish – Cantores/Japão
  • 17h20 – Show Musical Viva a Imigração, com Takeshi Nishimura, Angelaisa Toyota e Yasmin Yamashita – Cantores/Brasil
  • 18h15 – Ryu Jackson e amigos – cantor e dançarinos – Brasil
  • 19h15 – Anime Metal Live, com Arudo e amigos (Ricardo Nakase e Kodaiko Taikô) – Banda/Uruguai Taikô e Cantor/Brasil
  • 20h00 – Ensaio Miss Nikkey Brasil

Sábado, 21-jul no Festival do Japão 2018

Palco VERDE E AMARELO

  • 10h – Federação Brasileira de Radio Taisso – Ginástica
  • 10h20 – Sakura Fubuki Wadaiko
  • 10h35 – Karatê Kyokushin – Artes Marciais
  • 10h55 – Kibô-no-Iê – Musicoterapia
  • 11h15 – Aikido Maruyama – Artes Marciais
  • 11h35 – Associaçao Okinawa Kenjin do Brasil – Ryukyu Koku Matsuri Daiko – Taiko
  • 11h55 – Associação Cultural Tottori Kenjin do Brasil – Zenidaiko – Dança
  • 12h10 – Centro Cultural Hiroshima do Brasil – Ken dama – Atividade lúdica
  • 12h30 – Associação da Província de Kagawa no Brasil – Kendo – Artes Marciais
  • 12h50 – Associação Beneficente dos Provincianos de Osaka Naniwa Kai – Dança e Música Regional
  • 13h10 – Associação Nagai – Judô – Rio de Janeiro – Artes Marciais
  • 13h30 – Associação Cultural Provincianos Kochi do Brasil – Yossakoi Dança Moderna
  • 13h55 – Centro Cultural Hiroshima do Brasil – Kagura – Dança Típica
  • 14h35 – Nagasaki Kenjinkai do Brasil – Jya Odori – dança típica
  • 14h50 – Associação Cultural Tottori Kenjin do Brasil – Shan Shan Kassá Odori – Dança Típica
  • 15h10 – Grupo Hikari de Londrina – Bon Odori – Dança folclórica
  • 15h35 – Shinkaizen Kickboxing japonês – Artes Marciais
  • 15h50 – Grupo Sansey de Londrina (PR) – Dança Moderna
  • 16h10 – Associação Cultural Esportiva Beneficente Saga ken do Brasil – Kenko Taisso
  • 16h30 – Awaodori de Tokushima – Dança Típica
  • 16h50 – Shinkyo Daiko – São Caetano – Taiko
  • 17h10 – Associação Cultural Assistencial Mie Kenjin do Brasil – Kenko Taisso
  • 17h30 – Associação Hokkaido de Cultura e Assistência – Ishin Yossakoi – Dança Moderna
  • 17h45 – Takyu Hananokai do Brasil – Dança Folclórica
  • 18h10 – Keiko Yoshimura e Takaaki Ohnishi – Atração Internacional
  • 18h45 – Akatsuki Band – Banda Musical
  • 19h15 – Diogo Miyahara e Grupo Toku Heroes Cosplay Banda Musical
  • 19h30 – Encerramento

ARENA 110 ANOS

  • 10h00 – Comemoração dos 110 anos – Parada Taiko – Shows Variados/Cerimonial
  • 10h25 – Comemoração dos 110 anos – Gus Hokama – Cantor/Argentina
  • 11h00 – Comemoração dos 110 Anos – Espetáculo YUI – Parte 1 – Shows Variados
  • 12h00 – Comemoração dos 110 anos – Solenidade Oficial – cerimonial
  • 13h00 – Comemoração dos 110 Anos – Espetáculo YUI – Parte 2 – Shows Variados
  • 14h15 – Parada Taikô
  • 14h45 – Anime Metal Live, com Arudo – Banda/Uruguai
  • 15h15 – Mariko Nakahira – cantora – Japão
  • 15h40 – Taijyu Fujiyama – Fundação Japão – Ilusionista – Japão
  • 16h10 – Ryukyu Koku Matsuri Daiko – taiko de Okinawa – Brasil – Show Comemorativo 20 anos
  • 16h45 – Hikari – Londrina – Bon odori – Brasil
  • 17h30 – Preparação para palco para o cantor Kazufumi Miyazawa
  • 18h00 – Show Kazufumi Miyazawa – Cantor/Japão
  • 19h00 – Miss Nikkey Brasil com Kendi Yamai (ator e apresentador)

Domingo, 22-jul no Festival do Japão 2018

Palco VERDE E AMARELO

  • 10h00 – Parada Taiko – Taiko
  • 10h20 – Federação Brasileira de Radio Taisso – Ginástica
  • 10h40 – Associação Beneficente dos Provincianos de Osaka Naniwa kai – Rizumu Taisso
  • 11h00 – Fukuoka Kenjinkai do Brasil – Taiko e música
  • 11h20 – Confederação Brasileira de Aikido Instituto Takemussu – Brasil Aikikai – Artes Marciais
  • 11h40 – Associação Nagasaki Kenjin do Brasil – Kenko Taisso
  • 12h00 – Associação Guifu do Brasil – Vanessa Oshiro – Atração Internacional
  • 12h20 – Nitten Kenjutsu Artes Marciais
  • 12h40 – Nagano Kenjinkai do Brasil – Nagauta Etigojishi – Dança e Música Regional
  • 13h00 – Associação Yamagata Kenjin do Brasil – Rizumu Taisso
  • 13h20 – Gus Hokama – Argentina – Atração Internacional
  • 13h45 – Karate Do de Valinhos – Artes Marciais
  • 14h05 – Associação Shimane Kenjin do Brasil – Yasugui Bushi Dojo Sukui – Dança Regional
  • 14h25 – Treasure Garden – Atração Internacional
  • 14h50 – Grupo Shinsei Acal – Yosakoi – Dança Moderna
  • 15h05 – Associação Cultural Recreativa Nara Kenjin do Brasil – Dança
  • 15h25 – Kumamoto Kenjinkai do Brasil – Rizumu Taisso
  • 15h45 – Associação Hokkaido Hanamatsu-kai – Nihon Buyo – Dança regional
  • 15h55 – Associação Cultural e Recreativa Nara Ken do Brasil – Ikioi Daiko
  • 16h15 – Associação Cultural e Assistencial Mie do Brasil – Kendo – Artes Marciais
  • 16h45 – Banda Arudo – Uruguai Atração Internacional
  • 17h15 – Banda Uchiná Banda Musical
  • 17h40 – Kodaiko Taiko
  • 18h00 – Encerramento

ARENA 110 ANOS

  • 10h00 – Tenryuu Wadaiko e Kodaiko Taiko – Taiko/Brasil
  • 10h30 – Vanessa Oshiro – Cantora/Argentina
  • 11h00 – Treasure Garden – Cantores/Japão
  • 11h30 – Alberto Shiroma – Cantor/Peru
  • 11h55 – Keiko Yoshimura e Takaaki Ohnishi – Cantores/Japão
  • 12h30 – Taijyu Fujiyama – Fundação Japão – Ilusionista/Japão
  • 13h00 – Setsuo Kinoshita Taiko Group – Shizuoka Kenjinkai
  • 13h30 – Karen Ito – Cantora/Brasil
  • 14h00 – Show “Coração Voluntário” com Debora Iha, Ricardo Nakase, Takeshi Nishimura e amigos
  • 15h20 – Parada Taikô
  • 16h00 – Banda Heroes
  • 16h40 – Edson Saito e Banda Y.E.S
  • 17h10 – Akiba Cosplay Summit – Brasil com Kendi Yamai (Ator e Apresentador) – Concurso de Cosplay

Dicas do Vida de Tsuge para o Festival do Japão 2018

Bom, na sexta-feira, a equipe do Vida de Tsuge vai participar deste evento e esperamos encontrar você por lá! Se quiser falar com a gente, é só entrar no Instagram @vidadetsuge e dar um alô. Vamos ficar até domingo e, caso você não possa ir, nós vamos registrar todos os top momentos do evento e contar o que aconteceu por lá, ok?

Aproveitando que você vai estar em São Paulo, visite a nossa parceira Tenman-Yá , que fica na Liberdade, ao lado do metrô, na Rua dos Estudantes. Você vai ficar enlouquecido com tanta coisa legal. Olha só esse chinelo de palha para você usar em casa, feito com a mesma palha usada na confecção de tatames. É só pegar o metrô na estação de Jabaquara que em 30min você chega lá. Segue lá no Instagram @tenmanya.

Suripa-tenmanya_Festival-do-japão_Cultura-Japonesa_Vida-de-Tsuge_VDT
Tenmanya_Festival-do-japão_Cultura-Japonesa_Vida-de-Tsuge_VDT

Outra dica é visitar o estande da Ikesaki que vai estar pela primeira vez no Festival do Japão, com um estande de beleza e vários mimos para quem estiver lá. Na verdade, a Ikesaki é o maior expositor do evento.

Ikesaki_Festival-do-japão_Cultura-Japonesa_Vida-de-Tsuge_VDT

A Ikesaki foi fundada em 1964, por um japonês chamado Hirofumi Ikesaki, no bairro mais japonês do Brasil: Liberdade! Essa hiperloja de produtos cosméticos e de beleza, tem tudo o que um bom profissional de beleza precisa. No festival, ela vai marcar presença, oferecendo atividades, cursos, dicas de beleza, distribuição de brindes e tudo para tornar sua experiência no festival mais proveitosa. Afinal, quem não gosta de se cuidar e se sentir bonita? Mas ela pensou em tudo! Foram planejadas também atividades para o público masculino, para os mini-fãs nipônicos e para a galera da terceira idade.

Ah! Ela vai ter um “Espaço para Cosplay”, onde os amantes dessa arte, podem usufruir de um camarim, participar de desfile e ganhar prêmios! Um espaço repleto de atividades para os cosplayers!

Se você gostou desse post, também vai gostar desses aqui:

Siga a gente nas mídias sociais e fique por dentro de tudo que rola no Vida de Tsuge.

Referências artigos sobre Festival do Japão 2018: